domingo, dezembro 12, 2010

A MULHER


A MULHER – Quando criei o blog “Crônica de amor por ela” levado pelo mote dado pela poetamiga Mariza LourençoEla nua é linda – um bloguerótico” eu pensava publicar meus versos, tons & prosas poéticas voltadas para o amor e afetividade, sexualidade e cumplicidade das paixões, desejos e amizade entre os seres humanos.




De primeira, eu queria fazer uma homenagem às mulheres pelo reconhecimento de grandeza do seu ser.




Depois, eu queria fazer uma homenagem ao amor, este sentimento que envolve todos os seres humanos.




Quando menos pensei eu estava com um livro pronto: o “Crônica de amor por ela” reunindo poemas, prosas poéticas, poemiúdos, .canções, proseróticas, poemiuderóticos, croniquetas, noveletas, expressões ginofágicas priápicas e outros teréns e juras de amor por ela.




UNIVERSO FEMININO – O universo feminino muito me encanta, fascina e me faz cada vez mais cativo ao maravilhoso ser que é a mulher.




Realizando uma pesquisa na rede por sites femininos, viajei pelos sites e blogs, tais como o Domínio Feminino que é comandado pela Maria da Penha Vieira, O Viva Mulher da jornalista Maíra Kubik Mano, a poesia encantadora de Mariza Lourenço, o universo maravilhoso da Derinha Rocha, o lindo blog da atriz e poeta Mirita Nandi, o trabalho literário da Vânia Moreira Diniz, o Mundo Mulher, o Feminice, M de Mulher, o Mulheres de 30 da Raphaela Cavalcanti; o Preciso Falar que é comandado pela publicitária Dudy, pela fotógrafa Maya e pela designer Caju; o blog da Mini-Saia da advogada portuguesa Monica Lice; o Mulherada que é tocado pelas blogueiras Angélica, Drika Sanchez (Cafeína), Claudia Cacau Clau Codinha e Polly Ana; a performance da Cantora Sol, as Coisas Sensuais da Lali, a literatura licenciosa da Narceja (Ana M.), as narrativas da Gina Costa, o site Casada no Cio, entre outros do universo da literatura erótica, licenciosa e pornográfica.



Imagem: foto de Jorge Oliveira.

Primeiro: eu não sabia, confesso minha ignorância, mas encontrei uma bula da mulher:



Depois um painel com advertência e descrição detalhada do produto mulher:



Entre tantas e boas, encontrei logo de cara 2 tipos de mulheres segundo um 100% macho (será?):



Depois me deparei com dados estatísticos com os 4 tipos de mulheres, segundo os homens:



Mais adiante, o universo se amplia e encontrei os 10 tipos de mulheres encontradas nos sites e blogs femininos:



Mulher romântica e apaixonadíssima: é aquela que sonha com o príncipe encantado, adora serenata toda mimosa dizendo ao telefone mais de 15 vezes por ligação que ama seu homem que pra ela é como um deus, que vai casar em Roma e ter 3 filhos lindos. Cuidado com a crise dos 7 anos.



Mulher fitness: é aquela gostosona que não é vulgar, que cuida do corpo, sempre usa roupas de marca e é esportista. É uma bomba nuclear quando descobrir que engordou 1 grama.



Mulher baladeira: adora música no último volume, achegada aos roles e points maneiros, beija muito e anda toda decotada com shortinho minúsculo. Já deu para a metade dos seus amigos e a outra metade está lambendo os beiços para pegá-la de jeito, mas ela já disse pra esses que não. É descolada, já transou de tudo, vez em quando está enrolada com barra-pesada e encrenqueiros. Com ela, tenha certeza, você será um forte candidato à cornice.



Mulher culta: é inteligentíssima, sabe tudo, interessante, encantadora, gosta de tudo que é bom. Você será sempre o coitado porque se aparecer um intelectual na frente dela, fui.



Mulher biscatona: é aquela que é simples, sonsa e gostosa. Anda rebolando a bundona para todo mundo ver o escândalo, bota o decote dos peitões lindos no umbigo e sai pela rua provocando deus e o mundo. Ela se oferece e faz tudo que você quiser. Finge que não é nada e jura que nunca traiu. Moral da história: É a que todos querem, poucos podem ter e as que dão mais trabalho.



A mulher marketing: é aquela que sai por aí se amostrando toda, se dizendo a melhor de todas, prometendo de A a Z, fazendo zoada, gargalhando alto, falando pelos cotovelos e que, na hora agá, nada.



A mulher interesseira: é aquela que diz que lhe ama até debaixo d´água, mas quando você está na pindaíba, ela fica de mutuca e dá um jeito de ter jóias e roupas novas. Quando você voltar ao topo da dinheirama, ela está ali, prontinha para fazer o que você quiser.




A mulher infantil: é aquela que é divertida, extrovertida, vive com balas e doces, vive no vídeo-game, adora dormir com ursinhos e outros brinquedos. Só lhe chama de amorzinho e que por ser pudica nunca está a fim daquelas coisinhas mais cabeludas que gostava de fazer com a meretrizes da esquina, viu?



A mulher grudenta: é aquela que está o tempo todo ao dispor, faz de tudo, ajeita e denga sua vida, sempre de marcação cerrada por todos os seus passos.



A mulher ciumenta: é aquela que ama você e confunde todas as bolas porque pra ela você é dela e tichausis. Se você achar que é gente, para ela você é posse dela & tataritaritatá.



A mulher acomodada: é aquela é tranqüila, a vida passa, você namora outras e ela nem aí. Normalmente está um bocado de quilos acima do peso, está sempre ao seu dispor (ou não) e você faz o que quiser com ela. Até ignorá-la que ela não está nem aí.



A mulher ferida: é aquela que você já comeu, enrolou-se todo e que pela possessão dela você caiu fora e se enrabichou por outra. Nunca vai lhe deixar em paz e sempre vai passar na cara a sua presepada.



A mulher amante: é aquela que é ideal, segundo Juca Chaves: uma dama na sociedade e uma puta na cama.



Mulher Internet: é aquela que você tem que pagar para ter acesso a ela. Aqui no Brasil, são as mulheres de difícil acesso;

Mulher e-Mail: De cada 10 coisas que fala, 9 é pura idiotice.

Mulher Servidor: Sempre está ocupada nos momentos de maior necessidade

Mulher Macintosh: Preciosa, infalível e muito cara, sem compatibilidade com outras. Só 5% dos homens possuem uma.

Mulher Word: Ela tem sempre uma surpresa reservada pra você e não existe ninguém no mundo que lhe consiga compreender totalmente.

Mulher Excel: dizem que faz muitas coisas mas você só a utiliza para as quatro operações básicas;

Mulher PowerPoint: Ideal para ser apresentada em festas, convenções, etc.

Mulher Paintbrush: é aquela que tem uma cara bonita e não tem conteúdo algum. Só serve para seus filhos;

Mulher Multimedia: Faz com que tudo pareça bonito.

Mulher RAM: Aquela que esquece tudo assim que se desconecta.

Mulher Hardisk: Aquela que concorda com tudo e se recorda de tudo o tempo todo;

Mulher Usuário: Não faz nada direito e ainda fica o tempo todo fazendo perguntas.

Mulher Scandisk: Essa é uma boa pessoa que só quer ajudar, mas no fundo não sabe nada do que está fazendo.

Mulher DOS: Todos já tiveram um dia, mas ninguém quer agora.

Mulher Windows: Todo mundo sabe que não presta mas ninguém vive sem ela;

Mulher Windows 95: Já deu problema para 80% da humanidade e continua dando problema para os outros 20%;

Mulher Screensaver: Não serva pra nada, mas é bonitinha e lhe diverte;

Mulher Mouse: Só funciona quando e arrastada e apertada;

Mulher Backup: Sempre você acha que tem, mas na hora do vamo vê não funciona;

Mulher Vírus: Também conhecida como esposa, quando você menos espera ela chega, se instala e vai levando os seus recursos, se você tentar desinstalar vai perder alguma coisa, isto se não perder tudo.



Diante dessa vasta e heterogênea variedade de mulheres, tem até quem faça planos para encontrar a mulher ideal:



Isso porque, segundo uma pesquisa respeitável realizada, encontrou o seguinte resultado:



Brincadeiras a parte, não comungo com nada disso. Sou mesmo dissidente porque sou além de fã da natureza feminina, sou um adepto de que todos nós fazemos parte de um único ideal de vida.



Por isso, minha eterna homenagem pras mulheres.





Veja mais sobre:
Nas voltas que o mundo dá, Carlos Drummond de Andrade, Jane Duboc, François Ozon, Catherine Abel, Sheila Matos, Valeria Bruni Tedeschi, Niceas Romeo Zanchett & direito ao meio ambiente saudável aqui.

E mais:
É pra ela: todo dia é dia da mulher aqui.
Close, Albert Einstein, Turíbio Santos & Silvio Barbato, Alcides Nogueira, Takeshi Kitano, Dahlia Thomas, Alain Bonnefoit, Neurociência, Enaura Quixabeira Rosa e Silva, Kayoko Kishimoto, Raul Longo, & Todo dia é dia da mulher aqui. 
Moto perpétuo aqui.
O uivo da loba aqui.
Vade-mécum – enquirídio: um preâmbulo para o amor aqui.
Perfume de mulher aqui.
Todo dia é dia da mulher - entrevista com uma viúva autônoma, Sandra da Silva, de Arapiraca – Alagoas aqui.
Entrevista com a costureira Jqueline, a musa da semana de Minas Gerais aqui.
Entrevista com Clélia, uma estudante de Cacoal – Roraima aqui.
A chupóloga papa-jerimum aqui.
A literatura de José Saramago aqui, aqui, aqui, aqui e aqui.
Vinicius de Morais, Choderlos de Laclos, Pier Paolo Pasolini, Vanja Orico, Chico Buarque & Ruy Guerra, Serge Marshennikov, Beverly D’Angelo & Responsabilidade civil nos relacionamentos afetivos aqui.
Cantarau Tataritaritatá aqui.
Literatura de Cordel na Escola aqui.
Serviço Público & Nênia de Abril: o canto do cidadão aqui.
Literatura de Cordel: O papé da rapariga, de Bob Motta aqui.
Credibilidade da imprensa brasileira aqui.
Fecamepa aqui e aqui.
Palestras: Psicologia, Direito & Educação aqui.
Livros Infantis do Nitolino aqui.
&
Agenda de Eventos aqui.

CRÔNICA DE AMOR POR ELA
Leitoras comemorando a festa Tataritaritatá!
Arte Ísis Nefelibata
Veja aqui e aqui.

CANTARAU: VAMOS APRUMAR A CONVERSA
Paz na Terra:
 Recital Musical Tataritaritatá - Fanpage.
Veja  aqui e aqui.



PRIMO LEVI, ALTHUSER, OSCAR WILDE, FERNANDA MONTENGRO, SÉRGIO AUGUSTO DE ANDRADE, NEUZA PARANHOS, APOLLONIA SAINTCLAIR & PADRE BIDÃO

OS MILAGRES DO PADRE BIDIÃO - Muito se tem falado a respeito dos milagres praticados pelo Padre Bidião. Eu mesmo nunca vi um sequer, mas...